Skip to content

Os Sonhos alimentam a Vida

29/05/2010

Começo esse post com o título do prefácio de “Nunca desista de seus sonhos“, do genial Augusto Cury. Eis aqui o primeiro parágrafo desse texto escrito pelo psicólogo e escritor de best-sellers.

 Os sonhos são como o vento, você os sente, mas não sabe de onde eles vieram nem para onde vão. Eles inspiram o poeta, animam o escritor, arrebatam o estudante, abrem a inteligência do cientista, dão ousadia ao líder. Eles nascem como flores nos terrenos da inteligência e crescem nos vales secretos da mente humana, um lugar que poucos exploram e compreendem.

Nesse livro genial, Cury explica logo no início a diferença entre os sonhos noturnos e os sonhos diurnos. Os noturnos são produzidos enquanto você dorme, enquanto nossa vontade consciente deixa de atuar e alguns fenômenos inconscientes c0meçam a ler continuamente a memória e a produzir ideias, imagens mentais, fantasias e personagens. São uma explosão criativa e têm grande importância para o desenvolvimento da inteligência.
Já os sonhos diurnos… Esses são os que transformam o mundo. Nos inspiram a criar, nos animam a superar, nos encorajam a conquistar.
Toda pessoa tem esses sonhos. É o que dá motivação para seguir em frente perante as batalhas e desafios da vida… Nada é mais forte do que essa força de vontade que está dentro de cada ser humano.
Eu sonho o tempo todo. Com frequência até maior do que minhas ideias para novas histórias e novos personagens surgem; talvez com mais frequência que minha respiração. É o que me move, o que me motiva, o que me anima…

Um dia uma criança chegou diante de um pensador e perguntou-lhe: “Que tamanho tem o universo?” Acariciando a cabeça da criança, ele olhou para o infinito e respondeu: “O universo tem o tamanho do seu mundo.”

Perturbada, ela novamente indagou: “Que tamanho tem o meu mundo?” O pensador respondeu: “Tem o tamanho dos seus sonhos.”

Se os seus sonhos são pequenos, sua visão será pequena, suas metas serão limitadas, seus alvos serão diminutos, sua estrada será estreita, sua capacidade de suportar as tormentas será frágil.

É por isso que eu não tenho medo de sonhar alto. Meus sonhos têm o tamanho do universo… E não tenho o menor receio de batalhar por eles. Sem sonhos, sua vida não tem sentido; e se você, mesmo tendo sonhos, tê-los muito pequenos ou limitados, sua vida será um pouco sem emoção.
Mas não se pode pensar que, tendo sonhos gigantescos, eles vão se realizar por passe de mágica como se tivesse pedido ao gênio do Aladim. Ou que vão cair do céu. Ou que vão se realizar quando você reenviar aquela mensagem que recebeu em PowerPoint para mais de quinze amigos.
É preciso batalhar, nunca desistir depois de um passo pra trás. A cada centímetro que descemos sem querer enquanto escalamos a montanha, temos que respirar fundo, juntar forças e subir mais dez. Pois como diz um professor muito amigo meu, “As pessoas que mudam o mundo são aquelas que, mesmo cansadas, continuam trabalhando.”
Nesse caso, poderíamos substituir “trabalhando” por “lutando”; não quero dizer que o trabalho não seja necessário, mas que normalmente, quando estamos prestes a realizar nossos maiores sonhos, não estamos ganhando nenhum valor econômico com isso. É mais do que dinheiro, é a plenitude da vida.
Cito aqui um artigo que encontrei no blog “Meu Estado de Espírito“. Recomendo que o leiam também; assim como nesse post, o autor do blog fala sobre como os sonhos alimentam nossa vida.

Para encerrar, vou citar aqui a dedicatória do livro do qual falei no começo da postagem.

Sem sonhos, as perdas se tornam insuportáveis,
as pedras do caminho se tornam montanhas,
os fracassos se transformam em golpes fatais.
Mas, se você tiver grandes sonhos…
seus erros produzirão crescimento,
seus desafios produzirão oportunidades,
seus medos produzirão coragem.
Por isso, meu ardente desejo é que você
NUNCA DESISTA DE SEUS SONHOS.

Leia também:
Os Sonhos & As Árvores
Um olhar para o futuro

#Última Atualização: 19/12/2010

Foto: Meu Estado de Espírito

About these ads
8 Comentários leave one →
  1. 29/05/2010 2:21 PM

    arroz e feijão também!

    • 29/05/2010 2:28 PM

      Nã nã…
      Não avacalha! kkk

  2. 29/05/2010 2:21 PM

    sonho é uma das melhores coisas que temos, também gosto de sonhar alto, mas pra mim batalhar é um pouco difícil, adorei seu blog :D
    beijos.

  3. bruno permalink
    29/05/2010 2:22 PM

    bom blog

  4. 29/05/2010 2:27 PM

    Eu vi uma msg sua que vc gostaria de fazer parcerias…
    passa no meu blog e dá uma olhada…

  5. 29/05/2010 10:05 PM

    Olá Milton!
    Estou começando o meu blog agora, gostei do seu e gostaria que você também visitasse o meu. Ficaria grata.

Trackbacks

  1. Top 2010 [3/7] Presença Confirmada na Cabeceira « Spectro – Um Sonho…
  2. Top 2010 [5/7] Meus Textos « Spectro – Um Sonho…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: